quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Petistas não se conformam com preferência de Dilma pelo PMDB

A "voz rouca das ruas": aí está o grande risco para a estabilidade do governo Dilma
Há petistas por aqui que ainda não se conformaram, de jeito nenhum, com a reforma ministerial recentemente promovida pela presidente Dilma, que deu nada menos do que sete pastas ao PMDB.
Acreditam, alguns deles, que Sua Excelência, em vez de melhorar, agravou a fragilidade política de seu governo.
Isso porque, argumentam os petistas inconformados, o PMDB não merece mais confiança e não tem sido fiel há muito tempo, mas mesmo assim foi tratado com muito mais atenção por Dilma do que o próprio PT.
E tem mais: petistas paraenses não acreditam nem um pouquinho que entupir o PMDB de ministérios tenha sido a alternativa ideal para privar a presidente de um eventual impeachment.
Por quê?
Porque, dependendo das condições de temperatura e pressão, os partidos, nesse particular, haverão de ouvir aquilo a que o saudoso deputado federal Ulysses Guimarães (PMDB-SP) chamou uma vez de "a voz rouca das ruas".

7 comentários:

Anônimo disse...

Os petistas deveriam não se conformar é com a total ausência de habilidade da presidentE que eles escolheram. Ela é quem promove as lambanças.

Anônimo disse...


Para os amantes do PT.

Deu na folha on line de hoje que Paulo Bernardo recebia propina de PTISTA.

Quanta pilantragem!

Anônimo disse...

Ele não é casado com a senadora petista que teria recebido também?

Anônimo disse...

tudo em família, anônimo das 20:53.

Leopoldo Vieira disse...

Querido Paulo,
Envio modestamente um contraponto às fontes ouvidas.
Caso queira republicar, está a sua disposição: http://www.brasil247.com/pt/colunistas/leopoldovieira/199368/A-reforma-ministerial-foi-bem-mais-do-que-isso.htm

Grande abraço,
L.

Poster disse...

Perfeito, Leopoldo.
Será publicado.
Abs.

Anônimo disse...

Brasil247???? O site financiado pela CEF e pelo Banco do Brasil??? É um lixo.